Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa do Brasil tem maior gasto com pessoal na década, e investimento militar cai

Despesas com ativos e inativos crescem R$ 7,1 bi em 2019, reflexo de aumento salarial
Por Igor Gielow e Gustavo Patu | Folha de S.Paulo

A previsão de gasto militar para o primeiro ano de governo do capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro (PSL) traz o maior aumento de despesa com pessoal em dez anos e uma redução expressiva do investimento em programas de reequipamento das Forças Armadas.
Não fosse uma criatividade contábil dos militares, que conseguiram recursos com a capitalização de uma estatal para comprar novos navios, a despesa de investimento seria a menor desde 2009.

A Folha analisou a série histórica com a ferramenta de acompanhamento orçamentário Siga Brasil, do Senado. Para este ano, o Ministério da Defesa, ainda na gestão Michel Temer (MDB), planejou gastar R$ 104,2 bilhões, o quarto maior volume da Esplanada.

Desse montante, R$ 81,1 bilhões irão para pessoal, R$ 13,3 bilhões, para gastos correntes (custeio) e R$ 9,8 bilhões, para investimentos. Os valores não incluem o con…

Guaidó declara que oposição tomará medidas contra exportação de petróleo para Cuba

A oposição venezuelana "está coordenando com seus aliados ações" para impedir a exportação de petróleo venezuelano para Cuba, declarou o líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó.


Sputnik

Juan Guaidó publicou esta declaração em sua conta no Twitter em 5 de março, mas não especificou de que aliados se trata concretamente.

Juan Guaidó
Juan Guaidó © Sputnik / Marco Bello

Na sexta-feira (5), foram conhecidas novas sanções norte-americanas contra duas empresas pelo fornecimento de petróleo venezuelano a Cuba e 34 navios da PDVSA que, segundo o alto representante da administração norte-americana, foram introduzidos a pedido da Assembleia Nacional controlada pela oposição.

Em 21 de janeiro, na Venezuela tiveram início protestos em massa contra o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, logo depois de ele assumir o segundo mandato presidencial. Em 23 de janeiro, o líder da oposição do país, Juan Guaidó, se autoproclamou presidente interino, tendo sido apoiado pelo Brasil, EUA e vários outros países. Maduro recebeu o apoio de tais países como a Rússia, México, China, Turquia, Indonésia e outros.

Pipoqueira Elétrica Lenoxx Pop Red - 3 Xícaras de Pipoca Vermelha

Pipoqueira Elétrica Lenoxx Pop Red - 3 Xícaras de Pipoca Vermelha 110V

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas