Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Os mísseis russos que se tornaram alvo de disputa entre EUA e Turquia

A Turquia, dona do segundo maior Exército entre os 29 países que compõem a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), está prestes a adquirir mísseis antiaéreos S-400.
BBC News Brasil

Os S-400 são os mísseis "terra-ar" mais avançados do mundo e se tornaram motivo de uma disputa entre Turquia e Estados Unidos que pode ameaçar a aliança militar das potências ocidentais.

Isso porque os S-400 são fabricados na Rússia, o principal rival da organização fundada em 1949 justamente para se opor à então União Soviética.

A insistência da Turquia em adquirir os mísseis russos irritou os Estados Unidos, que encaram a decisão como uma potencial ameaça para seus aviões de combate F-35, também em vias de serem comprados pelos turcos.
Troca de farpas

"Não ficaremos de braços cruzados enquanto os aliados da Otan compram armas dos nossos adversários", advertiu o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, durante um encontro organizado há poucos dias em Washington para celebrar o aniversár…

Rússia ajuda Venezuela a investigar ataques contra instalações energéticas

A Rússia proporciona toda a ajuda necessária à Venezuela e os dois países estão investigando em conjunto os ataques contra o setor energético venezuelano, disse o vice-ministro russo das Relações Exteriores, Oleg Siromolotov.


Sputnik

"Estamos proporcionando aos nossos amigos venezuelanos toda a ajuda necessária […]. Segundo os dados do governo legítimo do país, liderado por Nicolás Maduro, e de acordo com outras fontes fidedignas, o setor eletro-energético da Venezuela foi atacado no dia 7 de março deste ano a partir do estrangeiro", informou diplomata à Sputnik.

Consequências de apagão na Venezuela (foto de arquivo)
Apagão na Venezuela © AP Photo / Natacha Pisarenko

De acordo com o vice-ministro, tratou-se de uma interferência comandada à distância nos sistemas de controle das principais estações distribuidoras de energia elétrica, cujos equipamentos foram fabricados num dos países do Ocidente.

Para além disso, o diplomata adicionou que "os autores dos ataques às instalações energéticas conheciam bem suas vulnerabilidades''.

No dia 7 desse mês a Venezuela sofreu um blecaute de quase uma semana após um acidente na Hidrelétrica de Guri, a principal do país que foi classificado como "sabotagem norte-americana'' pelo governo. O funcionamento de fábricas e instalações públicas foi suspenso em todo o país.

O outro blecaute massivo ocorreu no dia 25 de março e atingiu 16 dos 23 estados da Venezuela. O apagão deixou a capital sem eletricidade. O governo de Maduro atribuiu as falhas do serviço a um ataque organizado a partir dos EUA contra a Hidrelétrica de Guri.

No dia 28 conseguiu-se a recuperação parcial do serviço elétrico, mas Maduro informou que entre 29 e 30 de março se registraram novos ataques informáticos que deixaram outra vez o país sem luz.

Iluminação de Emergência Bivolt LED 1200 Branca SEGURIMAX

Iluminação de Emergência Bivolt LED 1200 Branca SEGURIMAX

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas