Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Fuzileiros Navais do Brasil e dos EUA ratificam acordo de cooperação

Diálogo conversou com o Contra-Almirante (FN) da Marinha do Brasil (MB) Nélio de Almeida para conhecer detalhes dessa parceria
Por Marcos Ommati | Diálogo Américas | Poder Naval

Criar mais oportunidades de intercâmbio de conhecimento e treinamento combinado entre os Fuzileiros Navais do Brasil e dos Estados Unidos. Este é o objetivo principal de um plano de cinco anos ratificado em fevereiro de 2019 entre os representantes de ambas as forças, o Contra-Almirante (FN) da Marinha do Brasil Nélio de Almeida, comandante do Desenvolvimento Doutrinário do Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) do Brasil e presidente nacional da Associação de Veteranos desta força, e o Contra-Almirante Michael F. Fahey III, comandante do Corpo de Fuzileiros Navais Sul dos EUA (MARFORSOUTH, em inglês). O C Alte Nélio recebeu Diálogo em seu escritório na Ilha do Governador, Rio de Janeiro, para dar detalhes do acordo e conversar sobre outros temas de interesse das marinhas do Brasil e de outros países da região e dos E…

Iraque recebe o último dos seus caças F-16 encomendados

O Iraque recebeu todos os aviões de combate F-16IQ Fighting Falcon da Lockheed Martin, com a última da encomenda de 36 aeronaves entregue à Base Aérea de Balad em 3 de maio.


Poder Aéreo

A Força Aérea Iraquiana (IqAF) adquiriu 24 F-16C Block 50/52 monopostos e 12 F-16D Block 50/52 bipostos, embora duas aeronaves tenham sido perdidas em acidentes de treinamento nos Estados Unidos e ainda não tenham sido substituídos.

F-16IQ Fighting Falcon

Tendo encomendado seus F-16IQs em dois lotes de 18 aeronaves durante 2011 e 2012, a IqAF recebeu seu primeiro avião no final de 2014. No entanto, devido à situação crítica de segurança no país naquela época, os pilotos e mantenedores iraquianos treinaram em seus novos caças ao lado da 162ª Ala da Guarda Aérea do Arizona em Tucson.

De acordo com as notificações da Agência de Cooperação para a Segurança da Defesa dos EUA (DSCA) da venda do F-16, as aeronaves estão equipadas com visores Joint Helmet-Mounted Cueing Systems montados em capacetes; tanques de combustível conformais; motores Pratt & Whitney F100PW-229 ou General Electric F110-GE-129 com maior desempenho; conjuntos de radar AN/APG-68 (V) 9; casulos designadores de alvos AN/AAQ-33 Sniper ou AN/AAQ-28; F-9120 Advanced Airborne Reconnaissance Systems (AARS) ou pods de reconhecimento DB-110; Conjunto Avançado Defensivo de Guerra Eletrônica AN/ALQ-211 ou Sistemas Eletrônicos de Contramedidas Avançadas (ACES); e sistemas de distribuição de contramedidas AN/ALE-47.

Os sistemas de armas listados pela DSCA incluem canhões Vulcan M61 de 20 mm, bem como 40.000 cartuchos de munição; mísseis ar-ar AIM-9L/M-8/9 Sidewinder; mísseis de médio alcance AIM-7M-F1/H Sparrow; mísseis ar-terra Maverick AGM-65D/G/H/K; bombas guiadas a laser GBF-12 de 500 lb; bombas guiadas a laser de 2.000 libras GBU-10 Paveway II; bombas guiadas a laser GBU-24 de 2.000 lb Paveway III; e bombas Mk 84 de 2.000 lb e Mk 82 de 500 lb de uso geral.

A primeira missão de combate dos F-16IQ foi divulgada em abril de 2018, com um ataque contra alvos do Estado Islâmico na Síria.

FONTE: Jane’s

Aviao F-16D Fighting Falcon - HOBBYBOSS

Aviao F-16D Fighting Falcon - HOBBYBOSS

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas