Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Prestes a 'ganhar' território do tamanho da Arábia Saudita, Brasil carece de recursos para defesa

A ONU deve ratificar no próximo mês, o pleito brasileiro em estender sua faixa de águas jurisdicionais em pelo menos 2,1 milhões de km², uma área equivalente à extensão da Arábia Saudita. Para especialista ouvido pela Sputnik Brasil, movimento precisa vir acompanhado de modernização da Marinha.
Sputnik

Como a Sputnik Brasil mostrou em maio, a demanda já dura há pelo menos 30 anos e tem relação com medições técnicas sobre o ponto onde termina o Brasil continental e até onde é lícito explorar as águas do entorno. O mar territorial brasileiro têm atualmente cerca de 12 milhas náuticas (22 quilômetros) na faixa de água e uma zona econômica exclusiva de 200 milhas náuticas (370 quilômetros). Na parte de solo e sub-solo, área na qual o Brasil pleiteia a extensão, há um limite de mais 200 milhas regulamentadas.

Responsável pela proteção da área oceânica, a Marinha brasileira vem desenvolvendo pesquisas na região desde 2004. Os militares já identificaram potencial possibilidade de exploração de …

Pentágono diz estar desapontado com decisão da Turquia em relação aos sistemas S-400

EUA estão desapontados com a decisão da Turquia de enviar especialistas militares para aprender a trabalhar com os sistemas S-400, afirmou a subsecretária de Defesa dos EUA para aquisições e sustentação Ellen Lord.


Sputnik

Antes, a agência Reuters informou que os EUA tomaram a decisão de deixar de aceitar novos pilotos turcos para treinamentos com caças F-35.

Pentágono, sede do Departamento de Defesa dos EUA
Pentágono © Sputnik / David B. Gleason

"Os EUA apreciam o diálogo entre os EUA e a Turquia e a nossa parceria estratégica. Entretanto, os EUA estão desapontados por ter sabido que a Turquia enviou pessoal à Rússia para treinamento com os sistemas S-400. Os S-400 são incompatíveis com os F-35. Nós informamos a todos os níveis que a Turquia não receberia os F-35 se aceitasse o fornecimento dos sistemas S-400", disse Lord em um comunicado cujo texto foi publicado no site do Pentágono.

A subsecretária de Defesa sublinhou que nenhum desses passos é ainda irreversível.

Ellen Lord também notou que se Turquia decidir desistir do fornecimento dos S-400, os EUA esperam o restabelecimento da atividade no contexto do programa dos F-35 e adicionou que o país está dando aos especialistas turcos bastante tempo para abandonarem os EUA, até 31 de julho, se os EUA e a Turquia não chegarem a acordo.

A Turquia também não vai participar da mesa-redonda dedicada aos F-35 para "facilitar a cessação consequente da participação da Turquia das medidas dedicadas ao gerenciamento do programa F-35".

"Se os EUA e a Turquia não conseguirem chegar a acordo sobre essa questão até 31 de julho, todos os pilotos turcos que estão treinando no F-35 e os pilotos-instrutores serão obrigados a abandonar o país", afirmou a funcionária.

Durante o Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo, o chefe da empresa russa Rostec, Sergei Chemezov, declarou que os fornecimentos dos sistemas S-400 à Turquia vão começar em dois meses.

"Tudo está bem, acho que em dois meses começaremos os fornecimentos. Os pagamentos prévios já foram feitos, o crédito foi formalizado. O dinheiro do crédito foi gasto, o material foi produzido. Além disso já terminamos a formação", disse o diretor em entrevista ao canal russo NTV.

Smartphone Motorola Moto E5 32GB Ouro 4G - Quad Core 2GB RAM Tela 5,7” Câm. 13MP + Selfie 5MP

Smartphone Motorola Moto E5 32GB Ouro 4G - Quad Core 2GB RAM Tela 5,7” Câm. 13MP + Selfie 5MP Dourado

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas